fbpx

A dengue do Secretário, os patrocínios da Petrobras e o aniversário de Monteiro Lobato

17 de abril de 2019

 

Hoje, no Mondolivro, na Rádio BandNews BH: o que o mosquito da dengue que picou o Secretário de Cultura Marcelo Matte tem a ver com a situação da Cultura no Brasil? É só a gente pensar em Gaia. E imaginar que o bater de asas de um beija flor, no interior do Paraná, pode provocar uma ventania na África. Ou seja, está tudo interligado. A dengue aumentou, em BH, 70% dos casos nos últimas semanas. O que aconteceu, neste período? A tragédia de Brumadinho, que mata os predadores dos pernilongos, os sapos, entre outros. E com a tragédia, além de vidas interrompidas, projetos sociais e culturais também foram. Afonso Borges conversa com Luciana Vianna e Júlio Vieira.

 

E nós pulamos dos mosquitos da dengue para as estatais do governo Bolsonaro com a maior facilidade. Ontem a Petrobras anunciou a interrupção de patrocínios a projetos continuados, estáveis. Este procedimento é predatório, acaba com as centenas de empregos gerados pelo setor da Economia que mais cresce, há  anos, no País, a chamada Economia Criativa.

 

E pulamos de novo com a chegada intempestiva de Ike Yagelovic no estúdio, ao final do programa, a conversa girou ao redor de Monteiro Lobato que, amanhã, dia 18 de abril, faria aniversário de 137 anos. E eu posto aqui a coleção que eu aprendi a ler.

 

O #MondolivroIndica a biografia de Walther Moreira Salles, que será lançada em BH no dia 25 de abril, no auditório da Cemig. Foi escrita por Luis Nassif.

 

Para ouvir esta divertida coluna você pode optar pelas seguintes plataformas:

SoundCloud

Spotify

Itunes