fbpx

O Globo

Milagres não morrem, acontecem. Mas… e Bibi Ferreira?

13 de fevereiro de 2019

Morreu hoje uma espécie de milagre. Mas se milagres não morrem e sim acontecem, como será? Milagres acontecem – morreu Bibi Ferreira. Seja como for, eu sou testemunha de um milagre. Na última vez que esteve em B…

O pijama, o fim da privacidade e os olhos do Google

2 de fevereiro de 2019

– Isso não tem mais a mínima importância! Todo mundo pede o CPF! Surgiu uma voz,  no meio da fila.
 – E eu não quero dar! Eu já paguei a conta inteira, aí resolvi pedir mais um chiclete…

À sombra da Garnier, renasce a Editora Itatiaia

30 de janeiro de 2019

A Editora Itatiaia, de Belo Horizonte, vai voltar à ativa. Mas não parem por aqui, esta não é uma frase solta, nem tola. A Itatiaia tem o acervo da Livraria e Editora Garnier. E se é possível fazer um …

É a hora dos Museus fazerem um convite

28 de janeiro de 2019

O provável  fechamento do Museu do Oratório, em Ouro Preto, e do Museu de Sant’Anna, em Tiradentes, é a pior notícia que mundo do Patrimônio Histórico e Cultural do País poderia receber. Ambo…

Solidão e armas na infância

24 de janeiro de 2019

Quando a espingarda de chumbinho disparou na minha mão, eu olhava para baixo. Estava sentado, com ela apoiada no chão. Telísio estava em pé, ao meu lado. O chumbinho cravou no seu pescoço na lateral esquerda. Muit…

Rouanet suspensa, como pede o bom senso

17 de janeiro de 2019

A musicista Simone Leitão, orgulho da cultura brasileira, já percorreu o mundo em tournées. Ontem apresentou-se no Carnegie Hall, lotado. Parte dos recursos foram bancados pela Lei Rouanet. A sua irmã, Miriam Leitão…

Em Congonhas, no cavalete da Polícia Federal

12 de janeiro de 2019

⁃ E aí, como está a Polícia Federal? Mandou o motorista de táxi, estranhamente mudo desde o início da corrida.
Mau humorado, disperso e conformado. Havia perdido o vôo BH-SP por causa de um erro no h…

Os verbos deste janeiro de 2019

8 de janeiro de 2019

De uma hora para outra, Zé Celso amuou. Amuar é um verbo bom para o verão de 2019. “As pessoas estão com medo de serem quem são”, disse, “não veem mais a delícia, só a dor&…

E assim, em janeiro de 2019, foi extinto o Ministério da Cultura

2 de janeiro de 2019

Hoje, dois de janeiro de 2019, voltamos ao ano de 1982, onde um grupo de artistas, políticos e intelectuais, entre eles, José Aparecido de Oliveira, Fernanda Montenegro, Ângela Gutierrez e Celso Furtado, esquadrinharam…

Lei Rouanet: Confesso que Perdemos.

30 de dezembro de 2018

Finalmente, um título que vai atrair pessoas que são contra a Lei Rouanet. Se você, caro leitor, é um destes, não precisa passar desta linha. Esta é um texto a favor da Lei Federal de Incentivo à Cultu…

A alegria está em luto no Brasil – Morre o Palhaço Picolino

11 de dezembro de 2018

Faleceu, hoje, em São Paulo, Roger Avanzi, o Palhaço Picolino, com 96 anos, de causas naturais. Mas… onde estão todos? O Prefeito, o Governador, o Presidente da República? Onde estão os artistas, o povo da Cultur…

A campanha #LivroénaLivraria e a “Lei do Preço Fixo”: o que uma coisa tem a ver com a outra?

4 de dezembro de 2018

A carta do editor Luiz Schwarcz provocou um verdadeiro rebuliço no mercado editorial. Não só porque ele é respeitado e soube dizer o que todos estavam precisando ler. Mais que isso: o mercado editorial estava, digamos, &ld…

65 anos de imprensa e literatura de Affonso Romano de Sant’anna

30 de novembro de 2018

 

Poeta desde sempre, Affonso Romano de Sant’Anna completa, em 2018, 65 anos de estreia tipográfica: foi em 1953 que ele publicou seus primeiros textos – críticas de cinema e teatro –, na imprensa de Juiz de Fora…

65 anos de imprensa e literatura de Affonso Romano de Sant’anna

30 de novembro de 2018

 

Poeta desde sempre, Affonso Romano de Sant’Anna completa, em 2018, 65 anos de estreia tipográfica: foi em 1953 que ele publicou seus primeiros textos – críticas de cinema e teatro –, na imprensa de Juiz de Fora…

É hora de ativar a campanha #LivroénaLivraria. Vamos?

30 de novembro de 2018

A carta do editor Luiz Schwarcz provocou um verdadeiro rebuliço no mercado editorial. Não só porque ele é respeitado e soube dizer na carta, o que todos estavam precisando ouvir. Mais que isso: o mercado editorial estava, …

Os livros para o vestibular da USP são para toda a vida

23 de novembro de 2018

Onde se encontra vestígios da alma? Por qual estrada passam os sentimentos do mundo? Como alcançar a vivência do outro, sendo você quem é? Qual é o papel da imaginação da vida real? Estas e dezena…

Por isso, Feira Nova do Maranhão, de Dona Antônia

20 de novembro de 2018

O povo ali nascido tem o gentilício de nova-feirense. Município novo, fundado agora, em novembro de 1994. Tem história bonita, contada e recontada por todos os cantos do Maranhão. Um coronel tinha uma feira, mas só …

Serão as livrarias, astronautas?

15 de novembro de 2018

A Livraria Leitura é uma empresa familiar, que cresceu aos poucos, cuidadosamente, em um método próprio de gestão. Fundada em junho de 1967, por Emídio Teles de Carvalho, na famigerada Galeria Ouvidor, no centro de …

Por que o próprio Brasil não certifica as suas cidades criativas?

8 de novembro de 2018

A ideia é bem simples: por que cargas d’água deve-se restringir exclusivamente à Unesco a certificação do título  de “Cidade Criativa”? É certo que a Instituição, e…

Pelo passado e futuro, o MinC não deve ser fundido com outra Pasta

1 de novembro de 2018

Refuto, com veemência, a hipótese de fusão do Ministério da Cultura com quaisquer outra Pasta de Estado, como prometeu o futuro Presidente da República, Jair Bolsonaro. 

Em primeiro lugar, não cabe a al…

Desta hora eu tenho medo

27 de outubro de 2018

 

Pensando em tudo em que estamos vivendo no Brasil, continuamos trocando percepções. Foi quando Marina Colasanti, no táxi do Nilson, em São Paulo, depois de um breve silêncio, disse:
– Desta hora eu tenh…

Bolsonaro e Tibiriçá, qual deles será aquele menino?

21 de outubro de 2018

A possibilidade da vitória de Bolsonaro trouxe à tona memórias dos piores tempos da Ditadura Militar. Não que o Deputado tenha alguma coisa a ver, diretamente, com isso. O problema, de certa forma, é da nossa hist&o…

O Brasil é a promessa da pessoa cordial, por Valter Hugo Mãe

20 de outubro de 2018

Valter Hugo Mãe ficou em Belo Horizonte quatro dias. Participou do “Sempre um Papo”, visitou o Inhotim e o Museu de Artes e Ofícios, ganhou de Ronaldo Fraga e Ivana um jantar delicioso no Grande Hotel, Rodrigo e Paulo Pedern…

Carta Para Gabi, em todas as mulheres negras da história

13 de outubro de 2018

Querida Gabi, 

É difícil ser muitas em uma só. Outro dia, você foi dezenas, milhares em uma só. Você foi agredida, humilhada e ofendida e todas as mulheres negras da história sentiram o baque….

Para Gabi, todas as mulheres negras em uma só

13 de outubro de 2018

Querida Gabi, É difícil ser muitas em uma só. Outro dia, você foi dezenas, milhares em uma só. Você foi agredida, humilhada e ofendida e todas as mulheres negras da história sentiram o baque. Gaia disse que um bater de asas de uma borboleta na Malásia influencia a brisa no outro lado do planeta. Todos…

Eleições aumentam propagação de Fake News sobre a Lei Rouanet

5 de outubro de 2018

Às vésperas da eleição, redobraram a propagação de mentiras sobre a Lei Rouanet – não acreditem em NADA! É TUDO MENTIRA. Fiz aqui um pequeno glossário para que as pessoas …

Sergio Abranches finalmente liga os faróis do Fenemê

16 de setembro de 2018

No portal do jornal “O Globo”, Afonso Borges fala do novo livro de Sérgio Abranches, “Presidencialismo de Coalização”, editado pela Companhia das Letras. Para ler, só teclar AQUI. Abaixo, o texto, na íntegra. Na Rádio BandNews Belo Horizonte, Afonso Borges fala sobre a trajetória de Sergio Abranches. Ouça AQUI. Abranches e os faróis do Fenemê…

Abranches e o farol do Fenemê

16 de setembro de 2018

Um dos caras que eu mais admiro na vida é o Sérgio Abranches. O seu parentesco com Guimarães Rosa não tem nada a a ver; o fato de ser de Curvelo, também não; isso de ser considerado um intel…

Poesia é remédio para barbárie

8 de setembro de 2018

No lançamento do livro “Desdizer”, em Belo Horizonte, o poeta e imortal Antonio Carlos Secchin lavrou um ato de amor à poesia, literatura e à vida. Ouvi-lo deveria ser um ato diário de sonorização…

Poesia é remédio para barbárie

8 de setembro de 2018

No lançamento do livro “Desdizer”, em Belo Horizonte, o poeta e imortal Antonio Carlos Secchin lavrou um ato de amor à poesia, literatura e à vida. Ouvi-lo deveria ser um ato diário de sonorização…

Eu coloquei fogo no Museu Nacional. E agora?

3 de setembro de 2018

Confesso que perdi. Tomo emprestado o título do livro de Juca Kfouri para pedir perdão às minhas três filhas. Deixo para ela um país infame. Deixo um País pulsilânime no qual os políticos, por cr…

Isto é ler? Ou isto será ler?

28 de agosto de 2018

Uma tentativa de compor um texto-cobracoral, ou um texto-navegação. Será assim no futuro? A gente escreve um nome e o próprio programa faz o link? Ou ponteiro para foto ou qualquer outr…

Isto é ler? Ou isto será ler?

28 de agosto de 2018

Uma tentativa de compor um texto-cobracoral, ou um texto-navegação. Será assim no futuro? A gente escreve um nome e o próprio programa faz o link? Ou ponteiro para foto ou qualquer outr…