fbpx

Sempre Um Papo e Sesc Santo André abrem programação 2020

10 de fevereiro de 2020

 

O Sempre Um Papo e o Sesc Santo André dão início à programação 2020, recebendo as professoras e escritoras Lilia Schwarcz (USP) e Heloisa Starling (UFMG), para o debate sobre o tema: “República, Democracia e Autoritarismo” e para autógrafos em seus diversos livros. Juntas, elas assinaram as obras “Brasil: Uma Biografia” (Cia das Letras) e organizaram “Dicionário da República – 51 Textos Críticos” (Cia das Letras). Ainda dentro do tema a ser abordado, Schwarcz escreveu “Sobre o Autoritarismo Brasileiro (Cia das Letras). O evento será no dia 25 de março, quarta-feira, às 20h, com entrada gratuita, no Sesc Santo André (Rua Tamarutaca, 302, Vila Guiomar). A mediação será feita por Afonso Borges, idealizador do Sempre Um Papo, há 34 anos.

 

Brasil: Uma Biografia
Aliando texto acessível e agradável, vasta documentação original e rica iconografia, Lilia Moritz Schwarcz e Heloísa Starling propõem uma nova (e pouco convencional) história do Brasil. Nessa travessia de mais de 500 anos, se debruçam não somente sobre a “grande história” mas também sobre o cotidiano, a expressão artística e a cultura, as minorias, os ciclos econômicos e os conflitos sociais (muitas vezes subvertendo as datas e eventos consagrados pela tradição). No fundo da cena, mantêm ainda diálogo constante com aqueles autores que, antes delas, se lançaram na difícil empreitada de tentar interpretar ou, pelo menos, entender o Brasil. A história que surge dessas páginas é a de um longo processo de embates e avanços sociais inconclusos, em que a construção falhada da cidadania, a herança contraditória da mestiçagem e a violência aparecem como traços persistentes.

 

“Dicionário da República – 51 Textos Críticos”
Os 51 verbetes do Dicionário da República, escritos por especialistas em filosofia, história, ciência política, antropologia, direito, sociologia e jornalismo, fazem um resgate crítico dos valores de “uma tradição hoje muito esvaziada de sentido e desfigurada pelo esquecimento”. Os textos cobrem desde as origens (grega e romana) e diferentes matrizes do republicanismo (francesa, inglesa, italiana, haitiana e norte-americana) até seus grandes princípios (liberdade, direitos, igualdade, cidadania, bem comum) e inimigos (o despotismo, a tirania, a corrupção, o patrimonialismo). Tratam, ainda, dos numerosos movimentos republicanos no Brasil (como Canudos e Sabinada) e de suas várias Constituições.

 

Sobre o Autoritarismo Brasileiro
Tolerantes, abertos, pacíficos e acolhedores são alguns dos adjetivos que habitam frequentemente a mitologia nacional. No livro “Sobre o Autoritarismo Brasileiro”, Lilia M. Schwarcz reconstitui a construção dessa narrativa oficial que acabou por obscurecer uma realidade bem menos suave, marcada pela herança perversa da escravidão e pelas lógicas de dominação do sistema colonial. Ao investigar esses subterrâneos da história do país — e suas permanências no presente — a autora deixa expostas as raízes do autoritarismo no Brasil, e ajuda a entender por que fomos e continuamos a ser uma nação muito mais excludente que inclusiva, com um longo caminho pela frente na elaboração de uma agenda justa e igualitária.

 

Heloísa Starling é professora de história do Brasil, foi vice-reitora da UFMG de 2006 a 2010 e atualmente coordena o Projeto República da UFMG. É autora de obras como “Os Senhores das Gerais”; “Os Novos Inconfidentes e o Golpe de 1963”; “Lembranças do Brasil”; e “Uma Pátria Para Todos: Chico Buarque e as Raízes do Brasil”.

 

Lilia Schwarcz foi professora visitante nas universidades de Oxford (Inglaterra), Leiden (Holanda) e nas norte-americanas Brown, Columbia e Princeton. Atua também como curadora adjunta do Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand (Masp), desde 2015 e é colunista do jornal Nexo. Escreveu, entre outros, “Retrato em Branco e Negro”, “O Espetáculo das Raças”, “As Barbas do Imperador”, Prêmio Jabuti de Livro do Ano (1998); “O Sol do Brasil”, Prêmio Jabuti de melhor de biografia (2008) e “Lima Barreto – Triste visionário”.

 

Serviço: Sempre Um Papo com Lilia Schwarcz e Heloisa Starling
Dia: 25 de março, quarta-feira, às 20h
Local: Sesc Santo André – Rua Tamarutaca, 302, Vila Guiomar, Santo André/SP
Informações: (11) 44691200 – www.sempreumpapo.com.br

 

Informações para a imprensa:
Jozane Faleiro – jozane@sempreumpapo.com.br – 31 35676714/ 992046367