fbpx

Sempre Um Papo na apresentação da letra D da Revista Linguará

11 de dezembro de 2019

O Sempre Um Papo apoia a apresentação da letra D da Revista Linguará, que será realizada por Maria José Amorim, com participação de Dudude Herman e Thembi Rosa, artistas que falam sobre a expressão da dança, nesta edição da revista. O evento será no dia 16 de dezembro, segunda-feira, às 19h, na Livraria Quixote – Rua Fernandes Tourinho, 274, Savassi/BH.

A Linguará, cujo significado original é intérprete, além de apresentar os grandes autores da literatura nos países da CPCL e em outros por onde Portugal navegou, também propõe um exercício prazeroso dos caminhos da língua portuguesa pelo mundo. Suas semelhanças, suas diferenças, sua amplitude para além da gramática, tratando da questão do preconceito linguístico, o que muitas vezes nos afasta e nos faz perder a oportunidade de apreciar toda a riqueza alcançada em suas inúmeras combinações com outras línguas nativas destes países que a falam.

Os fluxos naturais de migrações ou as expressões culturais diversas se adiantam nesta integração sem barreiras gramaticais e seguem a acrescentar palavras aos vocabulários aqui ou acolá.

Editada e impressa em Portugal, por três brasileiras, a revista segue a ordem alfabética, ao longo deste tempo já definido em vinte e quatro edições (de suas vinte e três letras, mais uma com as letras visitantes k, w e y). As edições A, B e C já estão em algumas das principais livrarias de Portugal e do Brasil. A letra D tem o prazer de contar com textos sobre direitos por Djamila e Djaimilia, vencedora do prêmio Oceanos 2019. A expressão da dança por Thembi Rosa, Dudude, José Gil e a diáspora do corpo por Luciane Ramos Silva. A beleza e a força de Agustina Bessa-Luís. Darcy Ribeiro, por Jefferson Fonseca. Desenho, Deus e o Diabo, o doce por Cristina Castro e a dor por Gonçalo M. Tavares. O dar e o desfazer. A dama e o distraído. Riquezas da expressão da grande língua portuguesa.