fbpx

Sempre Um Papo recebe Laurentino Gomes

2 de julho de 2021

O Sempre Um Papo segue com a programação de 2021, ano de comemoração dos 35 anos do projeto, recebendo, no dia 6 de julho, terça-feira, às 19h, o jornalista e escritor Laurentino Gomes para falar com Afonso Borges sobre o livro “Escravidão – Da Corrida Do Ouro Em Minas Gerais Até A Chegada Da Corte De Dom João Ao Brasil” (Globo Livros). Essa será mais uma edição do #SempreUmPapoEmCasa, com acesso gratuito e transmissão pelo YouTube, Instagram e Facebook do Sempre Um Papo.

O Sempre Um Papo é viabilizado com o patrocínio do Itaú, Rede Mater Dei e Usiminas, com recursos da Lei Federal de Incentivo à Cultura, da Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo.

“Escravidão – Da Corrida Do Ouro Em Minas Gerais Até A Chegada Da Corte De Dom João Ao Brasil” (Globo Livros)

Este é o segundo livro da trilogia de Laurentino Gomes, iniciada em 2019, que se dedica a contar a história da escravidão no Brasil.  O volume II concentra-se no século XVIII, auge do tráfico negreiro no Atlântico, ocasionado pela descoberta das minas de ouro e diamantes em território brasileiro e pelo crescimento, em outras regiões da América, do cultivo de cana-de-açúcar, arroz, tabaco, algodão e outras lavouras e atividades que faziam uso intensivo de mão de obra africana escravizada.

De acordo com Laurentino, este volume enfatiza o cenário do Brasil – que se tornou o maior território escravista do ocidente naquela época -, ao contrário do primeiro, cujo foco foi a África. “Entre outros aspectos, procuro descrever a violência e as formas de trabalho no cativeiro, a família escrava, as irmandades e práticas religiosas, o papel das mulheres, as fugas, revoltas e formação de quilombos e outras formas de resistência contra o regime escravista”, afirma o autor.

Assim como os outros livros do autor, este também possui uma escrita fluida e acessível, reunindo observações e conclusões de Laurentino ao longo de mais de seis anos de pesquisa. Além de estudar a bibliografia sobre o assunto, o autor esteve em quilombos nos estados da Paraíba, Alagoas, Minas Gerais e São Paulo, em antigos engenhos de cana-de-açúcar e terreiros de candomblé no Nordeste e em diversas cidades históricas brasileiras. O resultado de todo esse trabalho está reunido nas mais de 500 páginas – e 31 capítulos ilustrados com imagens, mapas e tabelas – que compõem o livro.

Laurentino Gomes é paranaense de Maringá e sete vezes ganhador do Prêmio Jabuti de Literatura. Escreveu os livros “1808”, sobre a fuga da corte portuguesa de dom João para o Rio de Janeiro (eleito Melhor Ensaio de 2008 pela Academia Brasileira de Letras); “1822”, sobre a Independência do Brasil; e “1889”, sobre a Proclamação da República, além de O caminho do peregrino, em coautoria com Osmar Luduvico da Silva – todos publicados pela Globo Livros. Formado em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná, com pós-graduação em Administração pela Universidade de São Paulo, é titular da cadeira de número dezoito da Academia Paranaense de Letras.

#SempreUmPapoEmCasa com Laurentino Gomes

Dia 6 de julho, terça-feira, às 19h

Local: YouTube, Facebook e Instagram do Sempre Um Papo

Informações: www.sempreumpapo.com.br

Informações para a imprensa:

Jozane Faleiro – jozane@sempreumpappo.com.br / 31 992046367